“Seminovos” – correndo em busca da qualidade de vida.

Por : Aguinaldo Neri Publicado em 12 de abril de 2014 Qualidade de Vida

 

“Seminovos” – grupo de “seniores” correndo em busca de qualidade de vida.

O Correio Braziliense publicou, hoje, uma reportagem muito interessante.
Não pelo conteúdo pois já temos muitas reportagens sobre idosos que participam de maratonas.
Mas pelo adjetivo : Seminovos !
A sociedade está tentando, a todo custo, encontrar nomes para adjetivas a população que envelhece com qualidade e vai além das trajetórias comuns de envelhecimento. Terceira Idade, Melhor Idade, Velhice, Idade Avançada, por exemplo.
Seminovo(a) é uma novidade.
Será que é isso que somos?
Mas…..o grupo de Seminovos é muito alegre e busca saúde e bem estar.
Parabéns a todos, da Senioridade.

“Seminovos” de Brasília têm mais de 60 anos e participam até de maratonas Os integrantes do Grupo Seminovos começaram a correr depois dos 50: gostam mesmo é de se encontrar no Parque da Cidade para praticar a atividade física juntos

Seminovos de Brasilia

Antônio Semoto, 70 anos; Maria das Graças Costa, 63 anos; Severina dos Santos, 64 anos; Renato Ribeiro Neto, 74 anos; Marlene F. de Moura, 63 anos; Issamu Fukushima, 62 anos; Neuza Ribeiro Neto, 63 anos e Rivaldo Cavalcanti, 78 anos

A primeira maratona de Marlene Francisca de Moura, 63 anos, foi na Grécia. Hoje, ela conta com outras seis no currículo. Quem a acompanhou foi a amiga Severina Lupercinio dos Santos, 64, que também correu no Uruguai, na Argentina, no Paraguai, no Chile, no Peru, na Veneza e na Disney. A nordestina teve a companhia de outra colega, Neusa Ribeiro Neto, 63, em uma maratona no interior da França, que foi seguida pelo Caminho de Santiago, na Espanha, e, para encerrar o passeio, a dupla correu em Portugal. Quem pensa que elas começaram a participar de maratona desde cedo está enganado. Nenhuma começou a correr antes dos 50 anos.

E elas não estão sozinhas na busca pela saúde e pela qualidade de vida. O trio de aposentadas faz parte do grupo de corrida Seminovos, um pelotão de 14 idosos que se une para se exercitar no Parque da Cidade, às terças e quintas-feiras de manhã. De uniforme vermelho, a turma começa a rotina com uma caminhada de um quilômetro para colocar as fofocas em dia, trocar receitas e conversar sobre a vida. Depois, cada um segue o próprio ritmo: desde os que correm oito quilômetros a quem faz um trote leve na menor pista de caminhada, o grupo tem todo tipo de atleta. Para Marlene, a socialização e o sol da manhã são a alegria de cada um deles. “Correr sozinho é a coisa mais sem graça do mundo. O ser humano é social, precisamos conversar”, diz Rivaldo Cavalcanti, de 78 anos, um dos fundadores do grupo.

A movimentação começou em 2003, com um projeto da Universidade de Brasília (UnB) de promoção de atividades físicas para idosos: yoga, tai chi chuan e dança de salão. “Era só coisa de velho. Os mais rebeldes quiseram mais, resolveram desafiar a natureza. E, então, nasceu o grupo de corrida. Queremos viver”, lembra Rivaldo, o único da turma que era corredor antes da formação do grupo. Entusiasta do Parque da Cidade e das amizades que fez nos últimos 10 anos, ele é o compositor não só do hino dos Seminovos (leia acima), mas também do hino do Parque — que, segundo ele, é um sambinha “porque ali não é um lugar para hinos sisudos”.

Do grupo, a que mais se diverte estabelecendo metas que desafiam a idade é Severina. Quando comemorou sua sexta década de vida, correu 60km de uma prova de 100km. No dia, usou uma camiseta com os dizeres: “60 rumo aos 100”. Severina foi a sensação do dia e ainda deixou um mistério no ar. “As pessoas me perguntavam o que aquilo queria dizer, anos ou quilômetros. Disse para interpretarem como quisessem”, lembra. A proposta para 2014 é completar 65 corridas antes do 65º aniversário. Até agora, conseguiu vencer 41 desafios. “Os médicos ficam impressionados com a minha saúde. Minha cardiologista começou a correr depois que eu passei a me consultar com ela”, afirma a atleta.

leiam a reportagem no Correio Braziliense.
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2014/04/11/interna_cidadesdf,422568/seminovos-de-brasilia-tem-mais-de-60-anos-e-participam-ate-de-maratonas.shtml
Clara Campoli
Publicação: 11/04/2014 06:01

%d blogueiros gostam disto: