Idosaganhapouco

Gestão dos Fundos de Pensão – adivinhem para quem vai a conta ?

NA CBN –  Miriam Leitão
A gestão política dos fundos de pensão afeta a todos  Idosaganhapouco
A situação dos fundos de pensão das estatais está no horizonte de preocupação de quem analisa a economia brasileira. A rentabilidade do sistema em 2013 foi de 2,02%, retorno menor do que o do FGTS.

O atual governo tem usado as fundações para financiar o que acha importante para si, sem se preocupar com a previdência dos trabalhadores. Obras polêmicas, como a usina de Belo Monte, e empresas com risco de solvência, caso da desenvolvedora de sondas Sete Brasil, receberam investimentos da Funcef, fundo de pensão dos funcionários da Caixa que teve déficit de R$ 3,1 bilhões ano passado. O aeroporto de Guarulhos foi concedido à Invepar – que tem as fundações da Petrobras e do Banco do Brasil no seu capital – com um ágio exagerado que atrasa o retorno do investimento.

Usar o recurso do fundo de pensão como se fosse dinheiro público foi tentado outras vezes e deu muito problema no passado. Quem pagará a conta do déficit, além do associado, é a patrocinadora da fundação. Ou seja, o governo, com o dinheiro de todos os contribuintes. A má administração dos fundos de pensão, portanto, afeta a todos.

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *